No final das contas, que diabos estamos fazendo aqui? Por que correr atrás de tudo, todos os dias? Qual o valor das coisas que fazemos frequentemente?

Desapego

“Sou apego pelo que vale a pena e desapego pelo que não quer valer.” 
(Clarice Lispector) 
 
Um dos inúmeros aprendizados que 2017 tem me presenteado é o desapego. Como diria o biólogo e escritor chileno Humberto Maturana, “a mudança reside em tudo aquilo que queremos manter”. 
 

Tenho encontrado muitas pessoas comentando sobre a dificuldade que enfrentam para tomar decisões. No entanto, poder decidir é um presente, significa que temos opções. 
 
Tomamos decisões desde o momento em que acordamos! Levantar da cama é uma decisão. E, um verdadeiro presente, pois algumas pessoas não têm esta alternativa! 
 

Quatro compromissos com o seu bem-estar

O livro “Os Quatro Compromissos – o livro da Filosofia Tolteca”, de Don Miguel Ruiz, teve um impacto significativo no meu bem-estar.

Minha profissão me permite acompanhar outros seres humanos na busca dos seus propósitos e também de escutar histórias e aprender delas. Um mestre um dia falou que “escutar o outro é aceitar que o este mundo não é igual ao meu, que o que vê não é o mesmo que eu vejo, que o que ouço não é o mesmo que ouves, enfim que há diferenças entre nós”.  
 

No final das contas, que diabos estamos fazendo aqui? Por que correr atrás de tudo, todos os dias? Qual o valor das coisas que fazemos frequentemente?

“Sou apego pelo que vale a pena e desapego pelo que não quer valer.” 
(Clarice Lispector) 
 
Um dos inúmeros aprendizados que 2017 tem me presenteado é o desapego. Como diria o biólogo e escritor chileno Humberto Maturana, “a mudança reside em tudo aquilo que queremos manter”. 
 

Tenho encontrado muitas pessoas comentando sobre a dificuldade que enfrentam para tomar decisões. No entanto, poder decidir é um presente, significa que temos opções. 
 
Tomamos decisões desde o momento em que acordamos! Levantar da cama é uma decisão. E, um verdadeiro presente, pois algumas pessoas não têm esta alternativa! 
 

O livro “Os Quatro Compromissos – o livro da Filosofia Tolteca”, de Don Miguel Ruiz, teve um impacto significativo no meu bem-estar.

Minha profissão me permite acompanhar outros seres humanos na busca dos seus propósitos e também de escutar histórias e aprender delas. Um mestre um dia falou que “escutar o outro é aceitar que o este mundo não é igual ao meu, que o que vê não é o mesmo que eu vejo, que o que ouço não é o mesmo que ouves, enfim que há diferenças entre nós”.