Um assunto que me fascina é educação, mais especificamente a educação dos jovens que estão no período universitário. Ao visitar muitas empresas, conversar com muitos profissionais de RH, e mesmo ao interagir com alguns jovens empreendedores, é unânime a opinião de que o modelo educacional para estas novas gerações precisa ser reinventado.

"Family at work"

Como não acredito nenhum pouco nesta história de separar vida pessoal da profissional, gostaria de dividir algo com vocês: a partir de amanhã entro em um período de grandes celebrações: aniversários de pessoas fundamentais em minha vida, minha mulher (18/07), meu pai (22/07) e minha filha (27/07).

Alinhado ainda com o último post "In good we trust", gostaria de dividir uma história que ouvi em um café que tive esta semana com o José Bueno, sensei do Aikido Harmonia (http://www.aikidoharmonia.com.br). Aliás, se você não conhece o Aikido, vale muito a pena... É apaixonante a história deste esporte.

In good we trust

Se você perceber um dos links que recomendo neste blog (veja coluna ao lado) é o do Bruce Mau.

Você deve estar se perguntando: que raio é mais esta sigla no mundo dos negócios? Ela chamou minha atenção durante o curso que fiz este feriado sobre coaching, mais especificamente durante a discussão sobre motivação. Depois de uma longa explanação sobre o modelo de motivação de David Nadler e Edward Lawler, a conclusão do instrutor foi a sigla WIIFM - What´s in it for me?

Um assunto que me fascina é educação, mais especificamente a educação dos jovens que estão no período universitário. Ao visitar muitas empresas, conversar com muitos profissionais de RH, e mesmo ao interagir com alguns jovens empreendedores, é unânime a opinião de que o modelo educacional para estas novas gerações precisa ser reinventado.

Como não acredito nenhum pouco nesta história de separar vida pessoal da profissional, gostaria de dividir algo com vocês: a partir de amanhã entro em um período de grandes celebrações: aniversários de pessoas fundamentais em minha vida, minha mulher (18/07), meu pai (22/07) e minha filha (27/07).

Alinhado ainda com o último post "In good we trust", gostaria de dividir uma história que ouvi em um café que tive esta semana com o José Bueno, sensei do Aikido Harmonia (http://www.aikidoharmonia.com.br). Aliás, se você não conhece o Aikido, vale muito a pena... É apaixonante a história deste esporte.

Se você perceber um dos links que recomendo neste blog (veja coluna ao lado) é o do Bruce Mau.

Você deve estar se perguntando: que raio é mais esta sigla no mundo dos negócios? Ela chamou minha atenção durante o curso que fiz este feriado sobre coaching, mais especificamente durante a discussão sobre motivação. Depois de uma longa explanação sobre o modelo de motivação de David Nadler e Edward Lawler, a conclusão do instrutor foi a sigla WIIFM - What´s in it for me?